capa
Segunda, 29 Outubro 2018 17:00

O bom mercado de carros sem impostos

Sabia que a venda de carro via modalidade PcD deu um boom?
Por Diário do Litoral
De Santos

    Você sabia que a venda de carro via modalidade PcD (Pessoa com Deficiência Física) deu um boom nos últimos anos? Pois é, só no primeiro semestre de 2018 foram 187 mil automóveis retirados das lojas com descontos, um recorde para o segmento. E é sobre esse tema que vou conversar com você na coluna desta semana.

    Para se ter uma ideia, o desempenho representa quase o total de vendas de 2017, que foi 187,5 mil emplacamentos, e bem superior a 2016, quando 139 mil carros tiveram como destino o público PcD. Ou seja, a modalidade responde por quase 20% dos negócios de zero km feitos no Brasil.

    Vale lembrar que um dos motivos para este salto é a ampliação da isenção de 20% a 30% para outras patologias, como artrite, tendinite crônica e problemas de coluna. No entanto, a lista de beneficiados é extensa e darei mais detalhes a seguir.

    A negociação PCD é feita pela venda direta, entre fábrica e consumidor, apenas com o intermédio da concessionária. Além dos descontos dados pelas montadoras, há ainda a isenção dos impostos bancada pelo governo. É importante ressaltar que tem direito ao benefício pessoas com deficiências ou patologias que dificultam ou impedem a mobilidade. Elas podem adquirir veículos novos a cada dois anos sem a incidência de IPI e IOF (impostos federais) e ICMS e IPVA (estaduais) - mas se venderem antes de dois anos, têm de pagar os tributos.

    Aliás, quando o assunto é isenção tributária no setor automotivo, eu recomendo a Free Isenções. Eles contam com uma equipe de primeira linha para atendê-lo(a) e esclarecer todas as dúvidas sobre o tema. A empresa fica na Avenida Senador Feijó, 686, conjunto 615. Para mais informações, você pode ligar para 3222-3722 ou 98852- 5405 (WhatsApp). E ainda tem o site da Free Isenções, onde há diversos detalhes sobre o assunto, como quais pessoas têm o direito ao benefício, quais são os veículos disponíveis, entre outras informações. Acesse: www.freeisencoes.com.br.

    Mas retornando ao tópico central, ressalto que muitos têm direito à compra com isenção. Porém, boa parte dessas pessoas não sabe, considerando que no país existem cerca de 46 milhões de cidadãos com algum tipo de deficiência, conforme dados do IBGE. A lei de isenção nº 8.989 vigora há 23 anos. Contudo, somente a partir de 2013 foi estendida a familiares de deficientes que não podem dirigir.

    Válida até 2021, ela também estende o direito a idosos com sequelas físicas ou motoras provocadas pela idade ou por doenças. Lembrando que, em todos os casos, é necessário o laudo médico e a avaliação do Departamento Estadual de Trânsito (Detran).

    Para disputar essa fatia cada vez mais crescente, as montadoras passaram a adequar modelos para atender à lei e também a criar versões exclusivas com desconto cheio nos impostos. Com o limite de valor de R$ 70 mil definido pela lei (acima disso, o desconto é apenas para IPI), as fabricantes oferecem versões que normalmente custariam mais, porém recebem pacotes de equipamentos especiais e descontos. Em resumo, o tema é interessante e, caso você tenha algum tipo de deficiência, vale a pena estudar o assunto mais a fundo. A sua saúde e, principalmente, seu bolso agradecem.